[Notícia] Violação de informações pessoais de 4,5 milhões de pacientes

Por Editor em 21 de agosto de 2014 | Enviar comentário

Informações pessoais de cerca de 4,5 milhões de pacientes foram roubadas do grupo hospitalar Community Health Systems, Inc. (CHS) A noticia da violação foi divulgada após a empresa, detentora de 206 hospitais em todo os EUA, ter apresentado um relatório ao Securities and Exchange Commission (SEC).

A empresa a frente das investigações aconselhou a CHS sobre os esforços de remediação, e alegou ter a certeza que todos os malware foram removidos dos sistemas da empresa. O ataque teria acontecido em Abril e Junho de 2014, e foi descoberto em Julho. Quanto aos dados que foram furtados, os mesmos referem-se a pacientes que foram atendidos nos últimos 5 anos pela CHS e incluem: nomes, endereços, datas de nascimento, números de telefone e números de Segurança Social. A única boa notícia é que o cartão de crédito dos pacientes, informação médica ou clínica não foi comprometida.

A preocupação é que esses dados possam ser utilizados por criminosos para a abertura de contas nos nomes das vitimas, ou até mesmo por terroristas em negociações no mercado negro. Por este motivo, as autoridades já estão trabalhando no caso. Em comunicado, o US-CERT, está trabalhando em conjunto com o FBI e o Department of Health and Human Services para ajudar na partilha de vulnerabilidades e mitigações específicas com o setor de saúde para prevenir violações adicionais ocorra. Alem disso, recomendou que as pessoas que suspeitassem do roubo de suas informações, que entrem em contato com o Internet Crime Complaint Center do FBI.


Maiores informações através do link.

 

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] Guia de 11 passos para proteger o seu PC após uma nova instalação do Windows

Por Editor em 19 de agosto de 2014 | Enviar comentário

logo Microsoft WindowsA Hiemdal Security disponibilizou um tutorial com etapas que serão destinadas a mantê-lo seguro online em uma instalação recente do Windows. Contudo, segui-los significa que você também configurou o seu sistema para funcionar sem problemas para a navegação online e operações financeiras, atividades que fazemos todos os dias.

Assim que você terminar a instalação do Windows, recomenda-se as medidas de segurança a seguir:

1. Mantenha o seu sistema operacional Windows atualizado

O primeiro passo importante é verificar se você tem as últimas atualizações de segurança e patches disponíveis para o seu sistema operacional Windows. Para ativar as atualizações de segurança automaticamente, vá ao Painel de Controle e verifique se a sua atualização automática está ativada.

2. Mantenha seu software atualizado

É importante ter não só o seu sistema operacional Windows atualizado, mas também que seus softwares também estejam atualizados, por isso certifique-se que você tem as últimas atualizações e patches de segurança para os seus principais programas e aplicativos.

Uma vez que hackers tentam explorar softwares populares, tais como Java, Adobe Flash, Adobe Shockwave, Adobe Acrobat Reader, Quicktime ou navegadores populares como o Chrome, Mozilla Firefox ou Internet Explorer, certifique-se sempre que você tem as últimas atualizações disponíveis.

3. Crie um ponto de restauração limpo de sua instalação 

Depois de ter instalado as atualizações de segurança para o seu sistema operacional Windows, certifique-se de ter criado um ponto de restauração para a sua instalação.

4. Instale um programa de antivírus

Use um programa de antivírus conhecido a partir de uma empresa de segurança conhecida. É importante ter uma solução de segurança confiável em seu sistema, que deve incluir a verificação em tempo real, atualização automática e um firewall. No caso de você optar por instalar um produto de segurança que não contém um firewall, certifique-se de ter ligado o firewall do Windows.

5. Instale uma solução de segurança contra spyware

É importante que você possua um programa contra softwares que instalam em seu computador o envio de pop-ups, redirecionando seu navegador para sites maliciosos ou, em alguns casos, podendo até mesmo monitorar seu histórico de navegação.

6. Instale uma solução de segurança dedicada contra roubo financeiro

Para ter a melhor proteção contra roubo de dados financeiros e de malwares como o da família Zeus ou CryptoLocker, é melhor usar um software que seja especialmente projetado. Mesmo que você esteja protegido contra vírus e spywares tradicionais, você ainda precisa de um software especialmente projetado para protegê-lo contra o roubo de dados financeiros.

7. Use uma conta de usuário padrão para acessar o seu sistema operacional Windows

O Windows concede certo nível de direitos e privilégios, dependendo do tipo de conta de usuário que você tem. Você pode ter uma conta de usuário padrão ou uma conta de usuário de administrador. Recomenda-se usar contas padrão para evitar que os usuários façam alterações que afetem todos os usuários do computador, como excluir os arquivos necessários do sistema que são importantes para o Windows. Também recomenda-se que você defina uma senha forte para sua conta de usuário do Windows.

8. Mantenha seu Controle de Conta de Usuário ativado

UAC monitora que mudanças vão ser feitas no seu computador. Quando mudanças importantes aparecem, como a instalação de um programa ou a remoção de um aplicativo, o UAC aparece pedindo uma permissão a nível de administrador. No caso de sua conta de usuário estar infectada com um malware, o UAC ajuda você a manter os programas e  suas atividades suspeitas de fazerem alterações no sistema.

9. Proteja o seu navegador antes de ficar online

Nosso navegador é a principal ferramenta utilizada para acessar a Internet, logo, é importante deixá-lo seguro antes de ficar online. Boas práticas como escolher a versão mais recente de seu navegador ou fazer uma série de mudanças em suas configurações de segurança do navegador web podem fazer muita diferença em questões de segurança.

10. Use o BitLocker para criptografar seu disco rígido

Mesmo se você definir uma senha para a conta do Windows, invasores ainda podem ter acesso a seus arquivos e documentos privados. A solução para isso é criptografar seu disco rígido e proteger todos os seus arquivos. É aconselhável usar esse grau de segurança se você usar um computador portátil, que pode ser facilmente roubado.

11. Tranque-o!

Um toque final para a segurança do seu sistema é adicionar uma fechadura Kensington. E por que não? É tão fácil, nos dias de hoje, que os seus dispositivos móveis sejam roubados, especialmente um laptop ou um notebook, e a adição de uma medida de segurança física não parece ser uma má ideia.

Confira o tutorial com mais detalhes e informações neste link.

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] Lançada nova atualização de segurança para WordPress

Por Editor em 18 de agosto de 2014 | Enviar comentário

WordPressWordPress 3.9.2 está disponível com uma atualização de segurança para todas as versões anteriores. É recomendado que se atualize seus sites imediatamente. O mesmo pode ser feito usando seu painel em Painel → Atualizações,  bastando clicar em “Atualizar agora”.

Esta versão corrige um possível problema de negação de serviço no processamento do XML do PHP. Além disso, o WordPress 3.9.2 também resolve outros problemas de segurança:

- Corrige uma possível, mas improvável execução de código durante o processamento de widgets (WordPress não é afetado por padrão);
- Impede a divulgação de informações via ataques ao XML na biblioteca getID3 externo;
- Adiciona proteções contra ataques brutais contra os totens CSRF;
- Contém alguns extras de segurança adicional, como prevenção de cross-site scripting que poderia ser desencadeada apenas por administradores.

Para mais informações sobre as notas de lançamento, acesse este link.

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] Inscrições abertas para os próximos cursos: Análise de Malware em Forense Computacional EAD e Teste de Invasão em Redes Sem Fio EAD

Por Editor em 12 de agosto de 2014 | Enviar comentário

Academia ClavisA Academia Clavis abriu suas inscrições para as novas turmas de Análise de Malware em Forense Computacional EAD e Teste de Invasão em Redes Sem Fio EAD. Ambos os cursos são à distância, tendo carga horária de 18 horas e divididos em 6 vídeo aulas. As aulas da Academia Clavis são gravadas e ficam disponíveis por até 30 dias após o último dia de aula. Desta forma, alunos que vierem a perder uma aula poderão assisti-la no horário que for mais conveniente, e alunos que desejarem rever uma aula poderão fazê-lo quantas vezes desejarem.

O curso de Análise de Malware em Forense Computacional EAD tem início no dia 1 de Outubro de 2014. O curso visa auxiliar os alunos a adquirirem habilidades práticas para análise de malware. Para isso, aborda engenharia reversa de software usando uma variedade de ferramentas de monitoração de sistemas operacionais e de redes de computadores, bem como de desmontagem, depuração, entre outras.

Já o curso de Teste de Invasão em Redes Sem Fio EAD tem inicio no dia 2 de Setembro. Este é dirigido a pessoas que têm interesse de entender as redes wi-fi, seus modelos de uso e de segurança, assim como conhecer os métodos de segurança disponíveis (ou aprimorar o conhecimento destes), suas características e fragilidades, bem como as técnicas e ferramentas para testar a segurança dos mais variados tipos de ambientes sem fio.

Confira também o Calendário 2014 para os outros cursos EAD oferecidos pela Academia Clavis.

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] Trilhas de certificação em Segurança da Informação – Escolha o caminho a seguir!

Por Editor em 11 de agosto de 2014 | Enviar comentário

A Clavis Segurança da Informação, procurando minimizar dúvidas sobre as certificações na área de Segurança da Informação, já divulgou os seguintes materiais: o artigo Principais Certificações na área de Segurança da Informação – Segurança de Redes, Análise Forense Computacional, Segurança no Desenvolvimento de Software, Gestão e Auditoria; os podcasts SegInfocast #4 – Certificações na área de Segurança da Informação e SegInfocast #1 – Certificação CompTIA Security+, ambos publicados aqui no Blog, e ainda o Webinar #15 – “Certificação CompTIA Security+ | Yuri Diógenes”. Siga a trilha de certificações no roadmap abaixo.





Curso Oficial CompTIA Security+ Formação de 100 horas – Auditor em Teste de Invasão – Pentest – Academia Clavis Segurança da Informação CEHv8 - Certified Ethical Hacker - Curso Oficial EC-Council ECSA/LPT EC-Council Certified Security Analyst Formação de 80 horas – Perito em Análise Forense Computacional – Academia Clavis Segurança da Informação http://www.blog.clavis.com.br/formacao-de-80-horas-perito-em-analise-forense-computacional-academia-clavis-seguranca-da-informacao/ ISO/IEC 27001:2013 - Auditor Líder CISM - Certified Information Security Manager CISSP - Certified Information Systems Security Professional Desenvolvimento Seguro - Security Development Lifecycle (SDL) Saiba mais

Passo inicial:

CompTIA Security+, é o primeiro passo para todas as áreas de Segurança da Informação. A Certificação CompTIA Security+ é credenciada pela International Organization for Standardization (ISO) e pelo American National Standards Institute (ANSI) e pode ser mantida atualizada através do programa de Educação Continuada da CompTIA, sendo o passo inicial para os profissionais da área de Segurança da Informação. Isto se deve ao fato de abordar conceitos básicos de Segurança da Informação, tais como: Segurança de Redes; Conformidade e Segurança Operacional; Ameaças e Vulnerabilidades; Segurança de Aplicações, Dados e Estações; Controle de Acesso e Gerência de Identidade; e Criptografia.

Dessa forma, a certificação garante que os candidatos não estarão somente aptos a aplicar os conhecimentos de conceitos, ferramentas e procedimentos de segurança para reagir a incidentes de segurança, como também estarão aptos a antecipar riscos de segurança, sendo capazes de tomar as medidas proativas necessárias. Possíveis postos de trabalho para os profissionais certificados incluem: Arquiteto de Segurança, Engenheiro de Segurança, Consultor/Especialista de Segurança, Técnico de Segurança da Informação, Administrador de Segurança, Administrador de Sistemas e Administrador de Rede.

O treinamento é online e possui carga horária de 91 horas, incluindo livro, voucher para realização da prova e aulas de revisão.  Não deixe de assistir a Webinar #15 – “Certificação CompTIA Security+ | Yuri Diógenes”, na qual as principais características da certificação CompTIA Security+ foram abordadas, além de informações como o valor desta certificação no mercado, expectativas para o curso, prova de certificação, entre outros pontos importantes. Acesse a página oficial do curso para maiores informações.

Formação Completa em Teste de Invasão

Seguindo a área de Teste de Invasão, a Academia Clavis possui a Formação de 100 horas – Auditor em Teste de Invasão composta por cinco treinamentos: Teste de Invasão em Redes e Sistemas EADMetasploit Framework EADTeste de Invasão em Redes sem Fio EAD, Auditoria de Segurança em Aplicações Web EAD e Direito para Peritos Forense, Pentesters e Administradores de Redes EAD. Os inscritos ainda tem direito ao acesso gratuito aos vídeos da última turma do curso Linux Essentials EAD e Fundamentos de Redes de Computadores, pré-requisitos desta Formação da Academia Clavis EAD.

O próximo passo é a certificação CEH (Certified Ethical Hacker), a qual tem sido amplamente utilizada pelo Pentágono a fim de treinar os profissionais que atuam na área de defesa de redes, como parte da Diretiva 8570 do Departamento de Defesa de Americano e também uma das selecionadas pelo DSIC(Departamento de Segurança da Informação e Comunicações) do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República. Durante o treinamento preparatório para a certificação, são abordados assuntos como proteção de perímetros, análise e ataque de redes, como intrusos obtêm privilégios em uma rede e passos que se devem seguir para proteger um determinado sistema, além de detecção de invasões, criação de políticas de segurança, engenharia social, ataques DDoS e criação de vírus.

Fechando a formação Auditor em Teste de Invasão temos a certificação EC-Council Certified Security Analyst (ECSA) que complementa a certificação Certified Ethical Hacker (CEH) com foco na análise dos dados obtidos em um teste de invasão. Ao término do curso, os alunos estarão capacitados para o exame EC-Council’s ECSA 412-79, pré-requisito para o EC-Council’s Licensed Penetration Tester Program. Possíveis postos de trabalho para os profissionais certificados incluem: Administradores de redes, analistas de segurança, auditores de sistemas, profissionais em análise de riscos, administradores de firewall e auditores de segurança.

Se interessou por essa área? A Academia Clavis possui turmas disponíveis para os seguintes cursos: Teste de Invasão em Redes sem Fio EAD, CEH (Certified Ethical Hacker) presencial e EAD.

Formação Completa em Forense Computacional:

Já para aqueles que pretendem seguir a área Forense Computacional, a Academia Clavis possui a Formação Perito em Análise Forense Computacional, composta por cinco treinamentos: Análise Forense Computacional EAD, Direito para Peritos Forense, Pentesters e Administradores de Redes EAD, Análise Forense de Redes EAD, Análise de Malware EAD e Análise Forense Computacional em ambientes Windows EAD.

O passo seguinte é a CHFI (Computer Hacking Forensic Investigator), uma certificação que prepara o profissional para detectar ataques e extrair adequadamente as evidências para a comprovação do crime cibernético, assim como a condução de auditorias que visam prevenir futuros incidentes. Computer forensics é simplesmente a aplicação de investigações cibernéticas e técnicas de análises com o fim de determinar a evidência legal. A evidência pode ser classificada dentro de uma ampla gama de crimes digitais, incluindo, dentre outros, o roubo de segredos comerciais, espionagem corporativa, destruição ou uso indevido de propriedade intelectual, sabotagem, fraude e mau uso de programas e sistemas.

Possíveis postos de trabalho para os profissionais certificados incluem: policiais, investigadores ou profissionais da segurança governamental, pessoal do exército e defesa, profissionais de segurança em TI, administradores de sistemas, advogados, profissionais de bancos e companhias de seguro, órgãos de governo, gerentes e diretores de TI.

Se interessou por essa área? A Academia Clavis possui turmas disponíveis para o seguinte curso: CHFI (Computer Hacking Forensic Investigator) EAD.

Gestor de Segurança da Informação:

Para aqueles que pretendem seguir a área de Gestão em Segurança da Informação, o próximo passo após a Security + é a Auditor Líder ISO 27001. A certificação Auditor Líder ISO 27001 forma profissionais capazes de auditar um Sistema de Gerenciamento de Segurança da Informação (SGSI) e coordenar uma equipe em conformidade com a Norma ISO 27001. Compreende técnicas de auditoria desde a coleta de informações até a redação do relatório, gerenciando de riscos e vulnerabilidades.

Logo após, a certificação CISM (Certified Information Security Manager) que é uma das principais da área de Segurança da Informação, por ser destinada especificamente aos profissionais que visam atuar ou já atuam na gestão de segurança da informação. Ela é para profissionais que projetam, dirigem e avaliam os programas de segurança de informação de corporações. Escute agora o SegInfoCast #7, podcast divulgado aqui no SegInfo, de aproximadamente 25 minutos, que abordou todos os detalhes do curso e Certificação CISM – Certified Information Security Manager – ISACA

Seguindo o roadmap, a próxima certificação sugerida é a CASP (CompTIA Advanced Security Practitioner). Esta outra certificação da CompTIA é, assim como a CompTIA Security+, “vendor neutral”, isto é, sem enfoque em uma tecnologia em específico. Abrange conhecimentos técnicos e habilidades necessárias para projetar, conceituar e aplicar soluções de segurança em ambientes corporativos complexos. O exame aborda competências em: segurança corporativa; gestão de riscos; pesquisa e análise; e integração da computação, comunicação e as áreas de negócios. Não deixe de assistir o SegInfoCast #5, no qual abordamos sobre as certificações da CompTIA e discutimos a importância das certificações profissionais para a carreira de TI.

Finalizando a área de gestão, temos a CISSP – Certified Information Systems Security Professional. Um CISSP é um profissional de segurança da informação que define a arquitetura, design, gestão e/ou controles que garantem a segurança de ambientes corporativos. A vasta amplitude de conhecimentos e experiências necessários para aprovação no exame é o que diferencia um CISSP. A credencial demonstra um nível reconhecido globalmente de competência fornecido pelo CBK® do (ISC)2®, que cobre tópicos críticos em segurança atual, incluindo computação em nuvem, segurança móvel, segurança no desenvolvimento de aplicativos, gestão de riscos, e outros.

Se interessou por essa área? A Academia Clavis possui turmas disponíveis para os seguintes cursos: CISSP – Certified Information System Security Manager.

Formação Desenvolvimento Seguro:

Por último, para aqueles que pretendem seguir a área de desenvolvimento seguro, a Academia Clavis possui o treinamento Desenvolvimento Seguro – Security Development Lifecycle (SDL). Usando metodologias de mercado, normas internacionais e ferramentas disponíveis na Internet, os alunos serão capacitados nas técnicas de desenvolvimento seguro, análise de riscos e implementação do SDL, possibilitando que o aprendizado seja utilizado para incluir os aspectos necessários de segurança nos processos de desenvolvimento e/ou manutenção de software.

Fechando esta área, sugerimos o CSSLP (Certified Secure Software Lifecycle Professional). A CSSLP foi uma das primeiras certificações no mundo a abordar o desenvolvimento seguro. Possui como requisito 4 anos de experiência, no mínimo, em desenvolvimento seguro. Certifica proficiência em: desenvolvimento de um programa de segurança de aplicações na organização; redução de custos de produção, vulnerabilidades em aplicações e atrasos de entrega; melhoria da credibilidade da organização e da sua equipe de desenvolvimento; redução de perda financeira devido a violação de softwares inseguros. A Academia Clavis em breve abrirá uma turma para o treinamento oficial CSSLP.

Se interessou por essa área? A Academia Clavis possui turmas disponíveis para os seguintes cursos: Desenvolvimento Seguro – Security Development Lifecycle (SDL).

Confira através dos links todos os cursos da Clavis, nas modalides presencial e EAD.

AddThis Social Bookmark Button

[Linux] Profissionais certificados em segurança da informação ganham até 30% a mais

Por Editor em 6 de agosto de 2014 | Enviar comentário

comptialogoMaiores salários e oportunidades de boas posições em empresas são os principais benefícios para profissionais certificados. Quando falamos especificamente de CompTIA Security+, para se ter uma ideia, Canon, Dell, HP, Ricoh e Departamento de Defesa dos Estados Unidos são algumas das organizações que requerem a certificação para contratar profissionais da área de segurança. O governo brasileiro, através de documento expedido pelo Departamento de Segurança da Informação e Comunicação do gabinete da Presidência da República, reconhece a certificação profissional com um item de alta relevância para a avaliação das competências profissionais na área de segurança da informação.

Um estudo produzido pela consultoria norte-americana Burning Glass sobre o mercado norte-americano mostra que o número de vagas de emprego abertas em segurança aumentou 75% entre 2007 e 2013. No ano passado, foram quase 210 mil vagas nesta área, o que representou 10% de toda a contratação dentro do setor de TI, com prazo para preenchimento 24% superior à média de mercado. Vale citar também que, pela média, profissionais certificados recebem de 20% a 30% a mais do que aqueles que não possuem nenhuma chancela. O estudo ainda afirma que os principais cargos abertos para este mercado em específico foram: engenheiro de segurança, analista de segurança da informação, engenheiro de segurança de rede, analista de segurança e engenheiro de segurança da informação.

A Academia Clavis oferece o Curso Oficial CompTIA Security+. O curso tem uma carga horária de 91h e seu acesso é imediato aos vídeos da última turma ao vivo, com direito a livro, voucher para a prova de certificação e aulas de revisão ao vivo com o instrutor Yuri Diógenes toda terceira segunda-feira do mês; além do novo Curso Oficial CompTIA Cloud Essentials oferecendo mais benefícios.

Confira mais detalhes neste link.

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] Microsoft lança EMET 5.0

Por Editor em 5 de agosto de 2014 | Enviar comentário

Microsoft sign outside building 99A Microsoft lançou a versão 5.0 de seu Enhanced Mitigation Experience Toolkit (EMET), um utilitário gratuito que utiliza uma série de técnicas de mitigação de segurança para impedir a exploração bem sucedida de vulnerabilidades em vários softwares.

EMET não é uma solução de defesa infalível para sistemas computacionais, mas pode parar muitas ameaças, antigas e novas, antecipando ações utilizadas por atacantes e terminando-as ou bloqueando-as. O utilitário apresenta uma série de melhorias: duas novas técnicas de mitigação, novas opções de configuração e novas configurações padrão. As duas novas técnicas de mitigação são Attack Surface Reduction (ASR) e Export Address Table Filtering Plus (EAF+).

Desde a versão 4.0, EMET fornece um recurso de certificado SSL / TLS configurável chamado Certificate Trust, que é destinado a detectar ataques man-in-the-middle, aproveitando a infra-estrutura de chave pública (PKI). Em EMET 5.0, o recurso foi aprimorado: ela impede que os usuários visitem sites com certificados não confiáveis. Finalmente, a mitigação Deep Hooks agora é ativada por padrão, que ajudam a prevenir ataques de modificar as estruturas de dados do EMET durante os ataques.


Confira mais detalhes da notícia neste link.

 

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] 25º Aniversário do Firewall

Por Editor em 4 de agosto de 2014 | Enviar comentário

firewall-1[1]Este mês, o firewall completou 25 anos, e McAfee está comemorando com um infográfico que descreve o ciclo de sua vida. O infográfico faz referência a eventos específicos relacionados, como a criação do primeiro vírus para MS-DOS em 1986, a criação dos primeiros mecanismos de filtragem em 1988, etc.

Uma firewall é um dispositivo de  rede de computadores que tem por objetivo aplicar uma política de segurança  para a rede e ajudar a bloquear o acesso de conteúdo malicioso,  sem impedir que os dados que precisam transitar continuem fluindo. Seu maior desenvolvimento e crescimento ocorreu com descobertas de falhas de segurança. Estas falham fizeram com que profissionais de segurança desenvolvessem novas técnicas e tecnologias mais avançadas como, por exemplo, em 2009 onde o clustering nativo para alta disponibilidade e desempenho foi introduzido.

O infográfico mostra a discussão em torno da necessidade do chamado Next Generation Firewall, onde este deveria ir além da inspeção e bloqueio de porta/protocolo para adicionar inspeção a nível de aplicação, prevenção de intrusão e trazendo inteligência para o firewall com proatividade no bloqueio de novas ameaças, tais como botnets e ataques direcionados. Mais informações podem ser achadas neste artigo.

Tenha acesso à notícia completa neste link.

AddThis Social Bookmark Button

[Linux] Curso preparatório oficial para a certificação CompTIA Cloud Essentials EAD (via @ClavisSecurity)

Por Editor em 31 de julho de 2014 | Enviar comentário

A Academia Clavis Segurança da Informação anunciou a turma para o curso preparatório para a certificação CompTIA Cloud Essentials na modalidade à distância (EAD).

A importância do entendimento de Computação em Nuvem, hoje no mercado de tecnologia da informação, é fundamental para qualquer posição que você ocupe. Desde um arquiteto de soluções até um gerente de TI, é essencial o conhecimento de computação na nuvem para tomar decisões sobre o futuro da empresa, e também para lidar com os benefícios que este modelo computacional trará aos negócios.

 treinamento online ocorrerá nos dias 11, 18 e 25 de outubro (sábados das 9 às 13 horas). Possui carga horária de 91 horas, sendo 55 horas de aulas com o instrutor Yuri Diógenes, além de aulas ao vivo de revisão e preparação para a prova + 36 horas, no modelo EAD, de aulas gratuitas de revisão sobre Redes de Computadores e Fundamentos de Linux.

Veja maiores informações sobre o treinamento e outros cursos no site da Clavis.

AddThis Social Bookmark Button

[Notícia] 1ª Conferência Latino-Americana de Segurança em SCADA

Por Editor em 30 de julho de 2014 | Enviar comentário

Nos dias 5, 6 e 7 de novembro ocorrerá no Rio de Janeiro a primeira Conferência Latino-Americana de Segurança em SCADA.

A conferência tem como objetivo a divulgação da cultura de segurança em SCADA entre as empresas de infraestrutura crítica latino-americanas e a divulgação de pesquisa acadêmica de alta qualidade em qualquer um dos temas e tópicos de interesse específicos.

Para inscrições e mais informações, visite a página do evento.

AddThis Social Bookmark Button